Ar condicionado

 O princípio é exatamente o mesmo da geladeira: uma substância capaz de resfriar dentro do aparelho um conjunto de serpentina – algo como um sistema de mangueiras por onde passa líquido ou gás. No caso do ar-condicionado, essa substância – à base de cloro, flúor e carbono – é chamada R-22. Esse produto deixa o estado líquido e vira gás a uma temperatura bem baixa: apenas 7 ºC, contra, por exemplo, os 100 ºC de que a água precisa para evaporar. 

Ar condicionado modelo Split

image25

 O sistema Split é composto por duas partes distintas, a unidade condensadora e a evaporadora, conectadas por meio de tubulações de cobre, sendo a primeira colocada na área externa do cômodo e a segunda, na área interna. O sistema conta ainda com o dreno responsável por escoar a umidade gerada por meio da condensação do ar. 

Tipos de split

image26

 

Split-Cassete: Parecido com uma grelha de saída de ar, pode ser instalado em forros rebaixados de gesso.

Built-In: Pode ser instalado no interior de sancas de gesso

Console/Under Seiling: Pode ser instalado rente ao teto do local escolhido ou sobre o piso

image27

Chiller

O Chiller é o equipamento principal de um sistema de água gelada. A sua função é refrigerar a água que circulada pelo sistema. A água gelada produzida por ele, na maioria das aplicações, circula por uma rede de evaporadores (Fancoil / Fancoletes). Possui a finalidade de resfriar o ar, produtos ou equipamentos conforme a aplicação projetada.

Quando falamos em Chiller, sempre é necessário ter em mente, que estamos falando de um sistema. Para que este funcione corretamente é necessário que se tenha um projeto bem dimensionado. Pois a configuração deste e sua capacidade de refrigeração, irá depender de fatores como vazão água, diferencial temperatura, temperatura ambiente entre outros.